Atendimento de segunda a sexta das 7:30h às 11:30h e das 13:15h às 18:00h, aos sábados das 7:30 às 18:00

Produtos Coqueiro-jataí 600009   Nome científico: Palmeira Butiazeiro Triplo
Nome popular: Coqueiro-jataí
Família: Palmae
Origem: Brasil
Porte: 7 metros
Características: Cresce lentamente. As folhas grandes formam um arco, seus folíolos são verde acinzentados semelhantes a uma pena de pássaro. Em estado adulto tem uma copa com 6,0 metros de diâmetro. Floresce da primavera ao verão e produz frutinhos de cor amarela com polpa adocicada e ácida, disputado por animais, aves e humanos. Cresce espontaneamente nos campos sulinos, mas tem sido utilizada em paisagismo urbano.
Palmeira Camedórea 600008   Nome científico: Chamaedorea Elegans
Nome popular: Palmeira Camedórea
Família: Família Arecaceae
Origem: América Central
Porte: Palmeira de pequeno porte não ultrapassando 3,0 m de altura, tem pequeno diâmetro de copa em torno de 1,5 m.
Características: A palmeira camedorea ? ideal para interiores.
As folhas são compostas de folíolos em cor verde claro a escuro de 20 cm de comprimento e as folhas são pequenas com até o,90 m de comprimento.
É uma palmeira dióica, isto é, encontramos uma palmeira somente com flores femininas e outra de flores masculinas.
As flores são bem pequenas de cor amarela e os frutos que as seguem são pequenos, globosos e escuros quando amadurecem.
Palmeira-samambaia 600007   Nome científico: Cycas Circinalis
Nome popular: Palmeira-samambaia
Família: Cycadaceae
Origem: Ásia, Madagascar, África tropical
Porte: 6 metros
Características: Arbusto dióico, semi lenhoso, tem as folhas muito macias e suavemente curvadas nas extremidades. O crescimento é muito lento e a planta tem uma vida muito longa.
Palmeira-sagu 600006   Nome científico: Cycas revoluta
Nome popular: Palmeira-sagu
Família: Cicadaceae
Origem: Ásia, Indonésia, Japão
Porte: 3.0 a 3.6 metros
Características: Deve ser cultivada a pleno sol ou meia-sombra, em terra de jardim enriquecida com composto orgânico e areia, formando uma mistura leve e permeável. As regas devem ser regulares. É muito rústica, mas pode ficar suscetível a cochonilhas em locais de pouca luminosidade. Multiplica-se por separação das mudas formadas entorno da planta mãe. A multiplicação por sementes é muito difícil e só é interessante comercialmente, pois exige tecnologia e pessoal especializado.
Palmeira-das-Canárias 600005   Nome científico: Phoenix Canariensis
Nome popular: Palmeira-das-Canárias
Família: Arecaceae
Origem: Ilhas Canárias
Porte: Até 20 metros
Características: As folhas são largas frondes pinadas, atingindo até 6 m de comprimento, com de 80 a 100 folíolos em cada lado da ráquis central. É uma planta extremamente resistente ao vento, balouçando fortemente sem partir devido à flexibilidade do seu tronco. Resiste bem à salinidade do ar e da chuva, pelo que pode ser utilizada em zonas ventosas da beira-mar.
Coco Vedeliano 600004   Nome científico: Lytocarym weddelianum
Nome popular: Coco Vedeliano
Família: Arecaceae
Origem: Mata Atlântica.
Porte: Até 2,5 metros de altura.
Características: Planta indicada para lugares de sombra, porém requer bastante claridade ou sol indireto (perto de um vitro, janela ou jardins de inverno. Adubação de 15 em 15 dias. Regar somente quando a terra estiver seca. Pode ser cultivadas em jardins á sombra, vasos, jardineiras etc. No plantio utilize um substrato bem fofo para melhor adaptação e crescimento da planta.
Árvore-do-Viajante 600003   Nome científico: Ravenala Madagascariensis
Nome popular: Árvore-do-Viajante
Família: Strelitziaceae
Origem: Madagascar
Porte: Atinge em média 8 metros de altura.
Características: É uma planta herbácea de tronco alto. Gosta de água mas não de solo encharcado, podendo ser regado 2 vezes por semana. Utilize fertilizante mineral, npk 10-10-10. Adubo Orgânico 2 vezes ao ano para não compactar o solo.
Buriti Mirim 600002   Nome científico: Mauritiella Armata
Nome popular: Buriti Mirim
Família: Palmae
Origem: Amazônia
Porte: Até 3m de altura
Características: Deve ser irrigada com frequência, ou então plantada junto a riachos e lagos. Sol pleno ou meia-sombra (quando adquirem bela coloração branco-azulada, vide tópico descrição) e solos bem aerados (preferencialmente arenosos), porém mostrando boa adaptabilidade a variações. Climas tropicais ou subtropicais sem geada.
Palmeira-Leque-Azul 600001   Nome científico: Bismarckia Nobilis Hild. & Wendl
Nome popular: Palmeira-Leque-Azul
Família: Arecaceae
Origem: Madagascar
Porte: Pode atingir de 18 a 25,0 metros de altura e até 6,0 m de diâmetro de copa.
Características: Deve ser cultivada sob sol pleno, em solos bem drenáveis, enriquecidos com matéria orgânica e irrigados regularmente. Após o pleno estabelecimento é capaz de tolerar períodos de estiagem. Mesmo assim, recomenda-se a irrigação suplementar, que estimula o rápido crescimento desta espécie. Ao contrário da maioria das palmeiras, a palmeira-azul pode ser conduzida sob sol pleno mesmo que seja jovem.
Palmeira Ravenia 600000   Nome científico: Ravenea Rivularis
Nome popular: Palmeira Ravenia
Família: Arecaceae
Origem: lha de Madagascar, na África
Porte: Palmeira muito ornamental de 5-10 m
Características: Climas tropicais, com ampla adaptabilidade a subtropicais, chegando a tolerar bem geadas leves. Adapta-se a uma vasta gama de solos, desde pantanosos até arenosos. Muito rústica. Possui rápido crescimento a sol pleno.
1
Rua Darci Pereira Pozzi, 900 - Chapéu do Sol - CEP 91787-780 - POA - RS - Fone: 55 51 3250.5076 / 3346.8030
Copyright (c) 2012 - Todos os direitos reservados: Rossatto Garden Center. Criação Amor.