Mostrando 1–16 de 44 resultados

  • Alamanda Arbustiva

     Arbusto ereto, de aspecto suculento, muito ramificado, nativo do nordeste do Brasil. Suas flores são amarelas, grandes, formadas principalmente na primavera e verão. 

  • Alegria de jardim

     É uma planta semi-lenhosa, costuma murchar no inverno, mas brota novamente na primavera.  uma ótima recomendação para canteiros de jardim, se quiser que sua casa fique com a frente totalmente linda.

  • Antúrio Vermelho

    O antúrio é uma planta tropical adequada para o interior de residências e locais sombreados dos jardins.

  • Azaléia

    A azaléia, um arbusto da família das Ericáceas, tornou-se muito popular e hoje pode ser encontrada formando cercas-vivas, compondo maciços em jardins, alegrando corredores e entradas mesmo plantada em um vaso. Um dos segredos do seu sucesso é que a floração ocorre justamente nos meses de inverno e traz um pouco de colorido num período em que a maioria das plantas encontra-se em repouso. Outro segredo é que a azaléia é uma planta relativamente rústica e resistente: suporta com bravura certas condições bem adversas e, por isso, é muito usada em jardins e praças públicas, dando um toque de “vida” até mesmo nos canteiros das grandes avenidas de cidades como São Paulo, tão castigada do ponto de vista ecológico-paisagístico.

  • Begônia

    Se você procura uma planta ornamental que pode ser cultivada na sombra, a begônia é a espécie ideal para decorar a sua casa. A flor begônia é muito apreciada pelos decoradores e paisagistas pela beleza das flores e folhas.

     

  • Begônia Holandesa

    A begônia é um símbolo de jovialidade e fertilidade. É uma flor bastante sensível, se adapta bem a luz.

  • Begônia Rex

    A begônia-rex é uma planta herbácea, se tornou conhecida no mundo todo pelo colorido impactante de suas folhas. Floresce em qualquer época do ano, produzindo flores brancas ou róseas, de acordo com a variedade. Com suas folhas cuidadosamente desenhadas e pintadas pela natureza, podemos adicionar interesse em áreas inimaginadas do jardim, onde a luz direta do sol não alcança, como em densos bosques por exemplo.

  • Boca de Leão

    São muito utilizadas em decorações ou em canteiros, visto que suas flores são lindíssimas e acrescentam colorido especial no jardim, com cores fortes e variadas, entre suas flores plantadas.

  • Calandiva

    Apesar da aparência delicada, a calandiva é uma planta muito resistente, podendo ser cultivada tanto em ambientes internos quanto externos.

  • Camarão Amarelo

    O Camarão-amarelo é uma planta perene, muito atrativa para beija-flores. Em países de clima temperado a planta é comumente usada na decoração de interiores, plantada em vasos. Mas no Brasil é mais utilizada nos jardins.

     

  • Cambará

    Arbusto florífero de efeito muito ornamental, o cambará é excelente para a formação de maciços e bordaduras.

  • Cíclame

     Podem ser cultivados em áreas sombreadas no jardim ou em vasos e floreiras. Também podem ser mantidas com facilidade dentro de casa, desde que o ambiente tenha uma boa luminosidade. Suas flores podem ser de varios tons de rosa, vermelho, branco e roxo.

  • Cravina

     

     A cravina é uma pequena planta que apresenta uma diversidade de padrões de coloração em suas flores, mas sempre em tons de rosa, vermelho e branco. Pode ser cultivada em jardins, vasos e jardineiras.

  • Dedaleira

    Inflorescência longa e ereta, do tipo espiga racemosa, com flores inclinadas e de um só lado do eixo abrindo primeiro as da base em direção ao ápice, corola inflada em forma de sino, branca, rósea ou arroxeada, pontilhada internamente de roxo ou marrom. Surgem na primavera-verão e atraem beija-flores. Cultivada a pleno sol ou meia sombra, com solo fértil, rico em matéria orgânica e enriquecido com farinha de osso. Solo bem drenado e mantido úmido, mas não encharcado.

  • Estrela do Egito

    Apresenta folhagem e florescimento muito ornamentais. Podem ser plantadas em vasos, jardineiras, em maciços ou bordaduras. Atrai muitos beija-flores e borboletas.

  • Flor de maio

    Se adapta à sombra parcial, com boa luminosidade. Pode tolerar luz do sol direta, mas a planta pode ser prejudicada por alta intensidade luminosa e altas temperaturas.